quarta-feira, 4 de julho de 2012

Selene.

E no quarto dia, não um quarto, ou metade... mas ela toda. E não consegui tirar meus olhos, nem por um segundo...

E os passos tranquilos, de um eu cheio... de um dia minguante, de sorriso crescente e uma sensação tão... nova.


Nenhum comentário:

Postar um comentário